Pular para o conteúdo principal
  • Nossos produtos Nossos produtos Nossos produtos
  • Sustentabilidade Sustentabilidade Sustentabilidade
  • Trabalhe Conosco Trabalhe Conosco Trabalhe Conosco
  • Investidores
  • Conheça AES Conheça AES Conheça AES
  • My AES
    Choose your location
    PT-BR
    Choose location

    AES Global

    AES Local

    Andes Argentina Brasil Bulgaria Chile Colombia Dominicana El Salvador India Indiana México Ohio Panama Puerto Rico Vietnam
    Buscar
    Search AES

    AES Brasil é premiada durante o EGAESE 2020

    Três projetos apresentados pela companhia foram premiados AES Brasil é premiada durante o EGAESE 2020

    Na edição 2020 do Prêmio Nacional de Gestão de Ativos, que ocorreu de 23 a 27 de Novembro no EGAESE, a AES Brasil chegou na final com três projetos e conquistou premiações para todos, sendo: “Melhorias no Ciclo de Vida de Turbinas Eólicas”, apresentado pelo engenheiro mecânico Maurício André Nunes, ficou em primeiro lugar na categoria Gestão de Ativos e Atividades do Ciclo de Vida;  também foi primeiro colocado, o trabalho sobre “Estratégias de monitoramento de performance e desvios operacionais de ativos físicos”, exposto pelo engenheiro elétrico Marlos Diógenes Lucas, na categoria Tecnologia e Inovação; “Criação do centro de serviços compartilhados como plataforma de suporte ao crescimento da companhia”, apresentado pelo Gerente do CSC  Dario Henrique de Oliveira, alcançou o segundo lugar em Gestão Estratégica.

    Também participaram do EGAESE - Evento de Gestão de Ativos para as empresas do Setor Elétrico, na categoria internacional, colaboradores da AES da Argentina e Colômbia, com o Projeto Conectados: Um desafio para a América do Sul – Como agregar valor ao negócio regional através de um único Sistema de gestão?, apresentado por Jennifer Vanessa Lamprea Meza, líder de Mejora Continua; e Jorge Mores, gerente de Normas y Estandares, ambos da AES SBU South America.

    Além das apresentações dos trabalhos, os executivos da AES Brasil Ítalo Freitas, CEO, e Anderson Oliveira, diretor de Operações, participaram do evento. Freitas apresentou o tema “Uma década de evolução na gestão de ativos no Brasil e ressaltou os principais momentos da história da companhia como o início da implementação, em 2009, de um sistema de gestão de ativos físicos, certificado em 2012 no PAS 55, com intuito de melhorar a performance dos ativos críticos da empresa. Além disso, o presidente abordou os três grandes ciclos de melhoria contínua do sistema de gestão de ativos, pontuando as novas tecnologias disponíveis no mercado e a certificação ISO 55001 que a empresa conquistou em 2015, colocando-a como pioneira no setor elétrico. “Com tudo que fizemos, e continuamos fazendo, nesses dez últimos anos, hoje podemos dizer que somos referência em como gerir ativos”, afirma Freitas.

    Já o diretor de Operações, Anderson Oliveira, ressaltou como a cultura de gestão de ativos tem ajudado a empresa durante a pandemia. Também enfatizou que a busca pela melhoria contínua está enraizada na cultura da AES Brasil. “O sistema de gestão de ativos trouxe como resultado a queda acentuada do indicador de paradas forçadas, aumento de disponibilidade das Unidades Geradoras e a melhoria nos demais indicadores operacionais. Além disso, dentro de operações centralizadas, a AES Brasil foi a primeira empresa a conquistar a validação do Operador Nacional do Sistema (ONS) para operação remota”, afirma Oliveira.

     

    Sobre a AES Brasil

    Acelerando o futuro da energia há mais de 20 anos, a AES Brasil é uma empresa geradora a partir de fontes 100% renováveis, que atua como plataforma integrada adaptável às demandas dos clientes. As soluções oferecidas pela companhia são customizadas, sempre buscando agregar valor e contribuir para a sustentabilidade do planeta. Atualmente, a AES Brasil conta com um portfólio de ativos renováveis com uma capacidade instalada total de 3,9 GW. Toda a energia gerada é proveniente de nove usinas hidráulicas; três pequenas centrais hidrelétricas (PCHs) e dos Complexos Solares Guaimbê e Ouroeste, que estão localizadas no estado de São Paulo e do Complexo Eólico Alto Sertão II localizado no estado da Bahia. Além disso, conta ainda com o Complexo Eólico Tucano, na Bahia, ainda em construção, o recém adquirido Complexo Eólico Ventus , situado no Rio Grande do Norte, e um pipeline de projetos, chamado Complexo Eólico Cajuína (RN), formando um novo cluster no Rio Grande do Norte.

     

    Informações para imprensa

    (11) 94264-6300 ou (11) 99246-4532
    aes.imprensa@aes.com

    Back to top
    Nossos produtos
  • Nossas ofertas
  • Seu perfil
  • Sustentabilidade
  • Crescimento limpo & inovação
  • Nossas pessoas
  • Parcerias com a comunidade
  • Relatórios e políticas
  • Estratégia de sustentabilidade
  • Trabalhe conosco
  • Conheça nossas pessoas
  • Trabalhe Conosco
  • Para a imprensa
  • Comunicados de imprensa
  • Para sócios
  • Contratados e fornecedores
  • Sobre nós
  • Nossa história
  • Nossa liderança
  • Global x local
  • Fale conosco
  • LGPD
  • Ética & compliance
  • Jump back to top